Related Questions

O que é o Ego? Quem sou eu realmente?

Dadashri: Essa crença: “Eu sou Chandulal” é ahankar (ego). Impor ’eu’ onde o ’eu’ não cabe é ahankar (ego).

Questionador: Como pode haver ego em dizer: “Eu sou Chandulal.”? Se eu disser: “Eu sou grande” ou “Eu sou o homem mais inteligente do mundo”, então, seria uma questão diferente.

Mas se eu casualmente disser: “Eu sou Chandulal” onde está o ego nisso?

Dadashri: Mesmo se você disser isso tão casualmente, o ego desaparece? Mesmo se você disser: “Meu nome é Chandulal”casual e simplesmente, ainda é considerado ego. Ego é quando você não sabe quem você é, e você se identifica com o que você não é.

“Eu sou Chandulal” tem apenas um propósito dramático (exercer o seu papel nas interações terrenas). Não há mal algum em dizer: “Eu sou Chandulal,” mas a crença: “Eu sou Chandulal” não deve se entranhar dentro de você. Ela deve ser dramática e usada apenas para fins de identificação.

Questionador: Sim, caso contrário, “Eu sou Chandulal” vai assumir o controle.

Dadashri: Se o ’Eu’ está em seu lugar, o ’Eu’ real, então não é ego. Se você acredita: “Eu sou Chandulal”, então a sobreposição do ’eu’ em Chandulal é ego. Quando você identifica ’eu’com o seu Verdadeiro Eu real (seu devido lugar), então não é ego. Se o ’Eu’ sai de seu lugar incorretamente posicionado, (Chandulal) e assume seu lugar real, então o ego desapareceu. Portanto, você não tem que se livrar do ’eu’, mas você apenas precisa colocar o ’Eu’ em sua correta localização.

×
Share on
Copy